Contato

Contato

Telefone: +49 721 986610

E-mail: info@sitema.de

SITEMA GmbH & Co. KG
G.-Braun-Straße 13, 76187 Karlsruhe Alemanha

Are you from the US?

Sid
Sid

"Sid" explica

Siga-me ao mundo dos cabeçotes de fixação

UMA BOA DOSE DE

SEGURANÇA

PARA PESSOAS E MÁQUINAS

  1. Início
  2. Empresa
  3. SiForce Technology

Uma marca forte para uma tecnologia única

A tecnologia da fixação autorreforçada mundialmente comprovada imprimiu sua marca. Esse reconhecimento nos permite garantir transparência no mercado de cabeçotes de fixação e freios lineares. A SiForce Technology não está vinculada apenas à segurança, mas também com o princípio da força de autorreforço ou "Self Intensifying Force".

Uma boa dose de segurança para pessoas e máquinas

O principal campo de aplicação da fixação autorreforçada, que é utilizada em todo o mundo para garantir a máxima segurança de máquinas e, acima de tudo, das pessoas, é a fixação de grandes forças e cargas axiais. Nossa prioridade não é apenas a segurança absoluta, mas também a qualidade, que permite aumentar a vida útil dos cabeçotes de fixação.

Resumo das vantagens

  • Não é possível uma liberação quando estiver sob carga, portanto, é seguro contra liberação não intencional.
  • Enquanto o sistema de fixação fechado estiver descarregado (estado seguro), basta aplicar pressão para liberá-lo (sem a necessidade de levantar a carga).
  • A liberação do cabeçote de fixação carregado (por exemplo, após uma parada de emergência) somente é possível quando ele tiver sem carga. Isso garante a transferência automática segura da carga por outro sistema (por ex., acionamento). Um simples levantamento da carga é suficiente para aliviá-la, sem que seja necessária nenhuma força adicional (nenhum "movimento livre").
  • Tudo isso também garante uma liberação automática suave ao utilizar em um cilindro.
  • Mesmo quando a fixação estiver fechada, ela ainda poderá ser deslocada para cima, por ex., para soltar uma pessoa presa.
  • O sistema de fixação somente é carregado quando for realmente necessário.
  • Isso significa uma longa vida útil (valores B10D de até 6 milhões).
  • Fator de segurança > 2 incluído.
  • Cargas de até 220 kN também podem ser fixadas pneumaticamente.

Explicações sobre cada um destes pontos podem ser encontradas mais adiante nesta página.

Longa vida útil

Nos cabeçotes de fixação acionados por mola sem SiForce Technology, a força de retenção é gerada por molas de disco ou helicoidais que pressionam o sistema de fixação na barra de fixação. Esta força é sempre a mesma e depende exclusivamente das molas. Desta forma, cada vez que a fixação é ativada, toda a força de retenção é aplicada e, portanto, o desgaste é maior.

Nas fixações autorreforçadas com SiForce Technology, também são utilizadas molas. No entanto, elas possuem uma força muito menor em comparação com a força de retenção e servem apenas para posicionar corretamente o sistema de fixação de forma segura. Elas não intervêm na geração da força de retenção. Deste modo, o sistema de fixação quase não é carregado quando é simplesmente fixado e, quando a carga é aplicada, ele é carregado apenas com a força do peso. Portanto, os cabeçotes de fixação com SiForce Technology alcançam uma vida útil significativamente mais longa do que as fixações acionadas por mola sem essa tecnologia.

Forma construtiva compacta

Como não há necessidade de grandes conjuntos de molas, os cabeçotes de fixação com SiForce Technology são muito compactos. Um exemplo: para fixar uma carga de 6 toneladas com fator de segurança > 2, uma unidade convencional acionada por mola sem SiForce Technology é construída com um diâmetro de aprox. 220 mm e um comprimento de aprox. 315 mm. Em comparação, o cabeçote de fixação SiForce (por ex., proteção antiqueda KR 56 da SITEMA) é significativamente menor: apenas 140 mm de diâmetro e um comprimento de 262 mm!

Forte como elefante também na versão pneumática

Para abrir e manter aberto um freio linear acionado por mola sem SiForce Technology, a força da mola total deve ser sempre excedida, o que significa que este princípio de funcionamento limita o controle pneumático para forças de retenção relativamente baixas.

Com a SiForce Technology, a pressão de liberação deve somente exceder o peso relativamente baixo do sistema de fixação cônico ou em forma de cunha e a força muito baixa das molas que posicionam o sistema de fixação. Desta forma, as proteções antiqueda da SITEMA com tecnologia SiForce são capazes de fixar cargas de até 22 toneladas de forma totalmente pneumática.

Fator de segurança

Nossos cabeçotes de fixação da SITEMA aprovados com SiForce Technology (proteções antiqueda e freios de segurança) têm uma carga permitida. A este respeito, a homologação da DGUV exige uma força de retenção mínima garantida do Fator 2, o que significa que o sistema deve ser capaz de resistir ao dobro da carga nominal.

Os padrões internos da SITEMA exigem um fator de segurança ainda maior. Assim, por exemplo, uma proteção antiqueda KR 40 ou KRP 40 da SITEMA com SiForce Technology tem uma força de retenção real superior a 10 toneladas com uma carga nominal de 3,3 toneladas!


Resgate de pessoas

Assim como muitas máquinas nas quais estão instalados freios lineares, muitos cabeçotes de fixação utilizam pressão hidráulica ou pneumática para permanecer abertos. Se houver queda de pressão neste sistema, a fixação é fechada. Se isso ocorrer devido a um mau funcionamento, a carga suportada por cabeçotes de fixação acionados por mola sem SiForce Technology somente pode ser movida contra sua força de retenção total, o que muitas vezes não é possível.
Por outro lado, nos cabeçotes de fixação com SiForce Technology, o eixo sempre pode ser movido contra a direção da carga, mesmo em um estado despressurizado, ou seja, fechado. Assim, em caso de dúvida, as pessoas presas podem ser liberadas mais rápida e facilmente, o que no final pode salvar vidas.

Funcionamento

Um sistema de fixação autorreforçado não obtém sua força das molas, mas usa a energia de uma massa em queda para sua própria fixação. Em aplicações horizontais, ele usa a força do acionamento para ser fixado.
O cabeçote de fixação SiForce é mantido aberto por pressão hidráulica ou pneumática. Para fechar a fixação, ele é despressurizado.

Ao fixar uma carga, ela é parada em operação normal pelo acionamento da máquina e também fixada pelo cabeçote de fixação.
Para fixar a carga, o sistema de fixação primeiro se apoia apenas na barra, sem gerar uma força de retenção. Neste estado, a carga já está fixada, o que o cabeçote de fixação indica através de um sinal correspondente. Neste caso, é possível liberar a fixação simplesmente aplicando pressão.


Maior força de retenção

Se o freio de serviço ou o acionamento falhar, ou seja, se a carga descer apesar de estar segura e fixa, o sistema de fixação se contrai e gera uma força de retenção autorreforçada muito elevada. Aplica-se o seguinte: quanto maior for a força axial, mais bem fixada estará a fixação e maior será a força de retenção.

Segurança absoluta contra falhas

Enquanto um freio linear acionado por mola sem a SiForce Technology sempre pode ser aberto devido a uma falha ou operação incorreta mesmo sob carga, com a SiForce Technology, a carga deve primeiro ser transferida com segurança para outro local. Somente (e exclusivamente) neste caso, a fixação poderá ser aliviada após a transferência de carga antes de ser aberta. Normalmente, somente é possível aliviar a fixação, ou seja, levantar a carga, se houver algum elemento disponível que receba a carga, por ex., o acionamento intacto da máquina.

Desta forma, a SiForce Technology garante automaticamente que é seguro liberar a fixação, pois a carga deve ser suspendida por outros meios para essa finalidade.
Informação importante: se o cabeçote de fixação "apenas" fixou a carga com SiForce Technology, mas ainda não a recebeu, ele poderá ser aberto simplesmente aplicando pressão, assim como um freio linear acionado por mola.

Não há necessidade de "desbloqueio"

No setor circula o mito de que os sistemas de fixação autorreforçados sempre devem ser "desbloqueados", o que constitui uma desvantagem. No entanto, isso não é verdade. Não há necessidade de "desbloquear", nem pode ser considerada uma desvantagem a proteção contra liberação não intencional como parte de uma análise de segurança.

Portanto, ao usar um freio linear, sempre procure o logotipo da SiForce para garantir a máxima proteção para os operadores de seu sistema.